Vamos Falar Sério (Sobre Retorno Presencial às Aulas)

por Amanda Moreira

Reprodução - internet
Defender a volta às aulas agora, no auge da pandemia, é só mais uma manifestação de ódio aos professores, porque acham (com base em muita desinformação) que eles não trabalharam em 2020 e agora querem que se arrisquem e morram

Toda essa preocupação da classe média afirmando que “lugar de criança é na escola”, já passou dos limites.

Quando vocês já se preocuparam com as crianças nesse país?

Vocês que sempre viraram a cara para os “meninos de rua”; que nunca se importaram em ver criança passando fome; que chamam de “pivete” toda criança que está em busca da sobrevivência num país que nunca deu oportunidade decente a elas; que levantam o vidro do carro toda vez que veem uma criança vendendo amendoim no sinal; que nunca se engajaram nem mesmo pra eleição de conselho tutelar, aliás, nem devem saber o que que é isso.

Vocês, que nunca se importaram com a educação pública – a não ser para dizer que ela não presta e matricular os filhos na primeira escolinha privada de quinta categoria, só para que os filhos de vocês não se misturem com a “gentalha” da escola pública – agora vêm com essa “preocupação” com os “danos psicológicos”, com os problemas que um ano fora da escola vai gerar e dizendo que a educação é “serviço essencial”?

Façam-me o favor! Os únicos que estão preocupados com isso são os profissionais da educação! E vocês não representam as nossas angústias.

Essa pressão toda pela volta às aulas para as crianças só tem uma explicação: a de que os profissionais da educação não valem nada pra vocês, que sempre consideraram os professores vagabundos por fazerem greve e por lutarem contra a defasagem salarial.

Defender a volta às aulas agora, no auge da pandemia, é só mais uma manifestação de ódio aos professores, porque acham (com base em muita desinformação) que eles não trabalharam em 2020 e agora querem que se arrisquem e morram. Vocês só continuam odiando os profissionais da educação mesmo, querendo que a categoria se exponha e se contamine durante a pandemia.

As famílias mais pobres, nesse contexto da pandemia, estão muito mais preocupadas em garantir a sobrevivência, em ter o auxílio emergencial e a segurança alimentar dos filhos. Os governos tem que garantir o direito à educação com acesso à internet para todos e com reformas das escolas que garantam o retorno com segurança.

Não é voltar só porque vocês acham que é a hora não! Guardem a hipocrisia de vocês no bolso, que é o único lugar que vocês valorizam.

#EuTôIndignada
#EscolasFechadasVidasPreservadas
#VacinaJá

Publicação Original