Por que você se assusta quando alguém que você admira defende Cuba e a Revolução Cubana?

Por Júlia Rocha

Por que você se assusta quando alguém que você admira defende Cuba e a Revolução Cubana? Por Júlia Rocha

Compartilhe o conteúdo:

Compartilhe o conteúdo:

Imagem: reprodução da internet

Por que você se assusta quando alguém que você admira defende Cuba 🇨🇺 e a Revolução Cubana?

Você já parou um minuto pra pensar no que você ouve falar sobre o assunto?

Você está atolado na lama bolsonarista, num país com milhões de pessoas passando fome, milhões de desempregados, milhares de jovens negros sendo executados nas periferias, militantes pelos direitos humanos e de minorias sendo assassinados todos os dias, florestas e biomas inteiros sendo destruídos para o avanço do agronegócio. Você mora num país onde o nosso direito à saúde é negado todos os dias, onde milhões de crianças e jovens não tem acesso a educação de qualidade, onde mulheres são violentadas e mortas. Um país onde preto, pobre, indígena, mulher, pessoa com deficiência, LGBTQIA+ tem seus direitos negados toda hora!

Um país cuja eleição foi escancaradamente fraudada por intervenção imperialista internacional. Um país que recebe a CIA em agenda oculta e sem divulgação da pauta da reunião. Um país que está entregando o patrimônio público aos interesses financeiros internacionais. Um país com quase 550 mil mortes por COVID!

É aqui que somos livres?

Livres pra revirar o lixo em busca de comida? Livres pra levar tiro da polícia? Livres pra abandonar os nossos estudos e os nossos sonhos? Livres pra morrer sem oxigênio?!

É isso que é ser livre?

Cuba precisa sim da nossa ajuda. Sabe pra que? Para pressionarmos pelo fim desse embargo criminoso imposto pelos estados unidos desde a revolução.

Durante a pandemia, o imperialismo estadunidense roubou máscaras e respiradores que tinham como destino a América Latina, senhoras e senhores! Basta dar um Google pra encontrar essas notícias estarrecedoras.

O que Cuba precisa é do fim desse embargo criminoso! Há problemas em Cuba? Certamente há vários. E é o povo cubano quem precisa resolvê-los. Sem intervenção norte-americana. Sem EUA com a sua falsa preocupação democrática, que nada mais é que o puro suco do imperialismo, que vê a América Latina inteira, inclusive o Brasil, como o seu quintal.

Se liguem! Busquem saber!