Agenda de Lives na semana nas Conversações Filosóficas: 28 de Setembro a 2 De Outubro, 2020

Nesta semana, as Conversações darão destaque às discussões sobre neoliberalismo, medicina, estética, psicanálise e um estudo sobre as relações de amizade.

Confiram a agenda!

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Lives-da-semana-setembro-5-Instagram-1024x1024.jpg

Segunda, 28/9 – 20:00 horas

Nildo Avelino possui Graduação em Sociologia e Política; Mestrado e Doutorado em Ciências Sociais, com ênfase em Ciência Política; Pós-Doutorado em Teoria Política. Realizou estágio Pós-Doutoral com bolsa CAPES na Columbia University (New York/USA) onde atuou como Visiting Scholar no período de 06/2015 a 07/2016. Foi bolsista do Programa de Doutorando no País com Estágio no Exterior (PDEE/CAPES) na Università degli Studi di Padova (Itália), no período de 11/2004 a 10/2005; e do Colégio Doutoral Franco Brasileiro (CDFB/CAPES) na Université Jean Monnet (França), no período de 12/2006 a 11/2007. É professor no Departamento de Ciências Sociais (DCS) e no Programa de Pós-Graduação em Ciência Politica e Relações Internacionais (PPGCPRI) do CCHLA da UFPB (campus I, João Pessoa), instituição em que coordena o Grupo de Estudos e Pesquisas Anarquistas (GEPAn). Pesquisador no Centre Max Weber (http://www.centre-max-weber.fr/Nildo-Avelino) da Université Jean Monnet e Université Lumière Lyon 2 (França). Tem experiência nas áreas da Ciência Política, Sociologia, História e Educação, com ênfase em Teoria Política, Sociologia Política, História Política e Políticas da Educação, atuando principalmente nos temas: Estudos Anarquistas; Estudos Foucaultianos; Socialismo; Liberalismo; Totalitarismo.

Terça, 29/9 – 20:00 horas

José Ricardo Ayres é médico, sanitarista, Professor Titular do Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Atua na área de Saúde Coletiva, com ênfases em Atenção Primária em Saúde e Humanidades em Saúde, trabalhando com temas como: saúde de adolescentes e jovens, vulnerabilidade, HIV/aids, cuidado em saúde, integralidade, prevenção e promoção da saúde, desenvolvimento histórico-epistemológico da epidemiologia e bases filosóficas das práticas de saúde. Realiza atividades de extensão junto a diversas instituições de saúde, em particular o Centro de Saúde Escola Samuel B. Pessoa, da FMUSP. Desenvolveu atividades de pesquisa e ensino em parceria com a Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard, USA (Enhancing Care Initiative – 1997-2003) e com a Universidade de Princeton, USA (Global Health and the Social Studies of Medicine and Health – 2010-2014), onde permaneceu como Visiting Research Scholar em 2014. É colaborador do Programa de Pós-Graduação do Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Nacional de Lanus, Argentina, e do Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública da Universidade Nacional de Antioquia, Colômbia. É membro da DIPEx Brasil: Saúde e Cuidado: compartilhando histórias – https://dipexinternational.org/brazil. Na USP, já exerceu os cargos de Pró-Reitor Adjunto de Extensão Universitária (2010-2014) e Coordenador do Núcleo dos Direitos da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (2012-2014) e é membro do Comitê de Saúde do Adolescente da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo. Além das publicações em periódicos do campo, é autor dos livros “Epidemiologia e Emancipação”, Sobre o risco: para compreender a epidemiologia” (também publicado na Argentina como “Acerca del riesgo: para comprender la epidemiología”), “Cuidado: trabalho e interação nas práticas de saúde” e, em co-autoria, ?Prevención. Promoción y cuidado: enfoques de vulnerabilidade y derechos humanos, também editado na Argentina.

Quarta, 30/9 – 20:00 horas

Rodrigo Duarte possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1982), mestrado em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1985) e doutorado em Filosofia – Universität Gesamthochschule Kassel (1990). Realizou estágios de pós-douoramento na University of California at Berkeley (1997), na Universität Bauhaus de Weimar (2000) e na Hochschule Mannheim (2011). Atualmente é professor titular do Depto. de Filosofia da Universidade Federal de Minas Gerais. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Ética, Estética e Filosofia Social, atuando principalmente nos seguintes temas: Escola de Frankfurt, Theodor Adorno, autonomia da arte, arte contemporânea e arte de massa. De maio de 2006 a outubro de 2014 foi presidente da Associação Brasileira de Estética (ABRE). Foi coordenador adjunto do comitê de filosofia da CAPES, de 2000 a 2005 e membro do CA-Filosofia do CNPQ de 2010 a 2013 (tendo sido coordenador do comitê nos últimos seis meses do seu mandato). Foi Pró-Reitor de Pós-Graduação da UFMG de março de 2014 a fevereiro de 2016. Dentre suas publicações, no Brasil e no exterior, destacam-se os livros: “Marx e o Conceito de Natureza em ‘O Capital'” (1986), “Mímesis e Racionalidade. A concepção de domínio da Natureza em Theodor W. Adorno” (1993), “Adornos. Nove ensaios sobre o filósofo frankfurtiano” (1997), “Adorno/Horkheimer e a Dialética do Esclarecimento” (2002) , “Teoria Crítica da Indústria Cultural” (2003), “Dizer o que não se deixa dizer. Para uma filosofia da expressão” (2008), “Deplatzierungen. Aufsätze zur Ästhetik und kritischer Theorie” (2009 segunda edição: 2017), “Indústria cultural: uma introdução” (2010), “A arte” (2012), “Pós-história de Vilém Flusser. Gênese-anatomia-desdobramentos” (2012), “Varia Aesthetica. Ensaios sobre arte e sociedade” (2014) e “Indústria cultural e meios de comunicação” (2015).

Quinta, 1/10 – 20:00 horas

Érico Andrade é doutor em filosofia pela Sorbonne (Paris IV) em 30/09/2006. Atualmente é professor associado da Universidade Federal de Pernambuco. Autor de vários artigos científicos, traduções, críticas de cinema e vários livros, dentre eles, Sobre Losers: fracasso, impotência e afetos no capitalismo contemporâneo e também o Sujeito do Conhecimento. Tem experiência na área de filosofia moderna. Hoje atua na área de política com enfoque em abordagens contemporâneas, sobretudo, ligadas aos estudos dos afetos. Iniciou uma formação em psicanálise área para a qual também tem direcionado as suas pesquisas. É sócio do Círculo Psicanalítico de Pernambuco. Trabalha também temas ligados ao direito à cidade e às novas formas de atuação política. Crítico de cinema. Foi e é membro de diversas comissões nacionais dentre as quais a comissão Base Nacional Curricular Comum (BNCC / MEC), comissão nacional do livro didático (PNLD), Comissão do Qualis Capes periódicos e foi da diretoria da ANPOF na gestão 2012-2014. Foi coordenador do Mestrado em Filosofia da UFPE, Coordenador do GT da ANPOF Estudos Cartesianos e Coordenador local do Doutorado Integrado (UFPE-UFRN-UFPB). Está chefe de departamento de Filosofia da UFPE.

Sexta, 2/10 – 20:00 horas


Conheça e se inscreva no canal:
Conversações Filosóficas